Convenção do DEM: Agripino diz que conduziu o partido em um dos momentos mais difíceis e comemora crescimento da legenda

Em seu discurso na Convenção Nacional do Democratas, na manhã desta quinta-feira (8), o senador José Agripino (RN) – que passou a Presidência Nacional do DEM ao prefeito de Salvador, ACM Neto (BA) – lembrou que conduziu o partido em um de seus momentos mais difíceis. Agripino contou que, quando assumiu, em 2011, a legenda contava apenas com 21 deputados – dezenas saíram após a criação do PSD.

“Fui eleito presidente do partido em um momento dificílimo. Na hora em que o governo do PT instrumentalizou outro partido para nos liquidar, nos tiraram muitos, sobramos 21, mas soubemos resistir pelo talento e pela coragem”, frisou. “Hoje entrego o cargo ao prefeito ACM Neto com 38 deputados federais”, continuou Agripino.

A convenção do DEM – que contou com a presença de parlamentares do PSDB, Solidariedade, Avante, PHS, PRB, PR, PSC, PP e PTB- lançou o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (RJ), como pré-candidato à Presidência da República. “Rodrigo tem a coragem de dizer não. Sabe cultivar as amizades, desperta a credibilidade e confiança”, elogiou Agripino. “É preciso unir o Brasil; somos todos irmãos. Eu tenho certeza de que ele é o homem certo para, neste momento, unir o Brasil para construirmos um futuro melhor”, destacou.

Em relação ao novo presidente da legenda, José Agripino afirmou que, mesmo que pudesse escolher sozinho quem deveria conduzir a legenda, escolheria o prefeito de Salvador. “Se me fosse dado o direito de escolher e de votar por todos, eu teria escolhido ACM Neto. É um prefeito exemplar e consegue reunir qualidades de político, de experiência, de capacidade administrativa, de padrão ético exemplar. Se há uma pessoa que vai crescer na política do Brasil é ACM Neto”.

No final, Agripino agradeceu o apoio do partido e se colocou à disposição para projetos futuros. “Agradeço as palavras de todos e me sinto como um presidente que cumpriu seu dever. Retribuo, de coração, o carinho de todos e digo que estou à disposição do meu partido e do meu país”, finalizou.

Veja o que parlamentares do DEM falaram do senador José Agripino

“Quero deixar registrado meu respeito, consideração e admiração pelo senador Agripino, que bravamente lutou pelo fortalecimento do partido”, deputada federal Professora Dorinha (TO).

“O senador Agripino assumiu o partido quando tudo estava degringolando. Foi capaz de unir, com sabedoria, e transformar em um partido vencedor”, deputado federal e presidente da Fundação Liberdade e Cidadania, José Carlos Aleluia (BA).

“Somos gratos por sua liderança, pelo que fez e ainda fará pelo país. Foi o maior responsável por nos manter unidos”, líder do Democratas na Câmara, Rodrigo Garcia (SP).

“O senador Agripino foi fator determinante para a sobrevivência do DEM. Com equilíbrio, tranquilidade, firmeza e coragem conduziu o partido na travessia mais difícil que tivemos”, líder do DEM no Senado, Ronaldo Caiado (GO).

“Ele nos liderou nos últimos anos graças a sua força, espírito público, correção, seriedade e postura. Todos nós reconhecemos sua vida pública como um exemplo e referência de retidão”, presidente nacional do DEM, ACM Neto (BA).

Veja fotos da convenção aqui