Devemos cumprir a decisão do STF e dar andamento a pauta do Senado, diz Caiado

Ao comentar a decisão do STF sobre o afastamento de Renan Calheiros da presidência do Senado, o líder do Democratas, Ronaldo Caiado (GO) afirmou que cabe a Casa cumpri-la e dar prosseguimento a votação de matérias relevantes para o país. O Supremo decidiu por 5 votos a 4 excluir Calheiros da linha sucessória da presidência da República, mas mantê-lo na presidência do Senado. Na visão Caiado, não é hora de se criar novas crises, mas de ter o compromisso de votar a PEC 55, urgente para recuperação da economia.